Fantasias Sexuais !

 

Créditos: Fernanda Junqueira

 

Fantasias Sexuais fortalecem a Relação, a Autoestima e a Saúde

fantasiassexuais.jpg

Seduzir uma aeromoça belíssima por uma noite, sentir o corpo todo arder de paixão ao lado de um bombeiro saradão, fechar os olhos durante a transa e se imaginar nos braços do Brad Pitt ou da Angelina Jolie. Que atire o primeiro fio-dental quem nunca teve ao menos uma fantasia erótica na vida. Deixar a imaginação fluir no quesito libido é algo perfeitamente normal, inerente à nossa natureza. A boa notícia é que as fantasias sexuais também fazem um bem enorme ao relacionamento (a dois ou consigo), à autoestima e à saúde.

 

Segundo o sexólogo Amaury Mendes Júnior, do Rio de Janeiro, diferentemente dos animais, que em geral só transam durante a ovulação, os seres humanos fazem sexo por outros motivos, como amor, interesse, dominação, prostituição. As fantasias são uma espécie de brincadeira lúdica entre os amantes. “Quando saímos da rotina de uma forma lúdica, os horizontes se ampliam e descobrimos como se podem aumentar as percepções do prazer de tal modo que fincamos marcas com determinadas pessoas para sempre”, destaca o especialista, que ressalta que homens e mulheres com criação mais cartesiana e conduta rígida têm certa dificuldade com protocolos e, desta forma, o sexo não importa tanto em suas vidas – importa menos ainda as variações que o envolvem.

 

Quem se entrega aos seus desejos neste campo, no entanto, só encontra benefícios, como tornar o sexo mais lúdico, menos genitalizado e mais erótico. As fantasias sexuais contribuem para fazer com que a pessoa vivencie sua sexualidade de uma forma mais saudável e natural, já que muitos preconceitos e tabus podem interferir na vida psicológica, inclusive afetando a autoestima, e isso pode se refletir na parte física.

 

Segundo Valéria Walfrido, sexóloga e terapeuta corporal de Pernambuco, a imaginação auxilia no dia a dia e nos torna mais criativos, realizados e felizes. “Sexo é imaginação, é vida, é amor, é energia. Quando fantasiamos, nossa química corporal é alterada. As fantasias são necessidades, desejos ocultos que podem ou não ser realizados. Como em nossa mente podemos o infinito, este comportamento satisfaz nosso cérebro, aumentando nossa autoestima”, afirma Valéria, que completa: “Os componentes fictícios tornam atrativa a relação, fortalecendo elos, aumentando a excitação e, consequentemente, a circulação dos hormônios do prazer, como a serotonina e a endorfina.”

 

Figurino e Apetrechos

Brinquedos eróticos, acessórios, “roupinhas” específicas ou cenários inusitados são essenciais para os momentos “calientes”. “Um belo figurino faz com que a mulher se sinta desejada, principalmente ao encontrar o olhar de desejo do parceiro. Isso aumenta a autoestima e, é claro, a libido”, avalia Fernanda Lima, consultora do site “Pimenta Chic”. Há, porém, diferenças básicas entre homens e mulheres sobre as fantasias envolvendo figurino. As mulheres gostam que os parceiros usem uniformes de salva-vidas, professor de ginástica, bombeiros e policiais. Ou seja, que correspondam ao estereótipo de homens fortes, viris e esportistas. A psicopedagoga e personal sex trainer Lupércia Gadelha, do Rio de Janeiro, lembra que uma das fantasias mais recorrentes entre as mulheres é transar com um estranho – seja de forma consentida ou “forçada”.“O sexo masculino, por sua vez, aprecia o domínio, por isso os trajes mais vendidos nos sex shops são os de enfermeira e de colegial”, afirma Amaury Mendes Júnior. Enfermeiras, aeromoças, secretárias e empregadas domésticas também figuram entre as preferidas. “Alguns homens adoram, ainda, que a parceira se vista como uma prostituta, pois assim podem extrapolar os seus desejos”, completa.

 

De acordo com Fernanda Pauliv, sócia-proprietária do Joanah Pink Centro Intergrado da Mulher, de Curitiba, para viver uma fantasia de forma completa, o uso dos acessórios certos ajudam a pessoa a entrar no clima. “Se isso vai resultar em uma masturbação ou não vai depender da pessoa. Mas. se acontecer, ela sem dúvida será muito gostosa, pois o prazer estará acontecendo no nível físico e no emocional”, acredita. Fernanda Lima, consultora do site “Pimenta Chic”, acha que o casal deve praticar fantasias que tenham o seu perfil do casal. “Assim a paixão e o tesão permanecerão por muito mais tempo”, diz.

 

Acordo necessário

Antes de colocar em prática qualquer tipo de desejo, porém, os especialistas aconselham que o casal combine tudo antes, para evitar constrangimentos como gargalhadas fora de hora, sustos ou rejeição. “A fantasia sexual é absolutamente saudável desde que não prejudique o outro nem a si mesmo. Vale lembrar que ela pode ser prejudicial se a pessoa topa realizar só para satisfazer o desejo do outro. E também não deve se tornar uma obsessão, mas sim fonte de prazer”, comenta Lupércia Gadelha.

 

Quando a fantasia se torna uma compulsão, no entanto, ela acaba dominando a pessoa. “Há perigo quando, sem ela, não há sexo”, alerta o sexólogo Amaury Mendes Júnior. “As fantasias devem ser um complemento ao prazer e não a sua única fonte. Além disso, no âmbito do relacionamento, realizar uma fantasia apenas para agradar o parceiro, fazendo que a pessoa se sinta diminuída ou sinta sua integridade física ou moral em risco, pode abalar de forma irreversível o amor-próprio da pessoa ou desestruturar seriamente a relação do casal”, salienta Fernanda Pauliv, do Joanah Pink Centro Integrado da Mulher.

 

A sós

Vale ressaltar que as fantasias também podem ser elaboradas a sós – durante a masturbação, por exemplo, ou durante a preparação para um encontro romântico. “As fantasias sexuais servem como combustível para turbinar o prazer. Imaginar cenas sensuais e eróticas ajuda a estimular o nosso maior órgão sexual, que é o cérebro”, pondera Fernanda Pauliv.

 

“É na nossa cabeça que o desejo começa a se manifestar e, muitas vezes, para que ele se incendeie é preciso um estímulo extra. Nessa hora as fantasias têm um poderoso papel. Rever mentalmente ou criar em sua cabeça imagens prazerosas faz com que seu corpo reaja potencializando as sensações, podendo até mesmo funcionar como um gatilho para o orgasmo. Além disso, imaginar uma cena sensual com todos os seus detalhes mais picantes enquanto toma banho antes de um encontro amoroso vai deixar a mulher excitada antes mesmo de estar nos braços do amado. Isso é ótimo! Uma vez que o sexo feminino, de uma forma geral, precisa de mais tempo para se estimular do que os homens, ela já vai chegar até seu companheiro com a temperatura elevada”, completa.


Links Relacionados

Enviar a um Amigo

Preencha o formulário abaixo para encaminhar este página code club para um amigo:

Enviar a um Amigo
* Seu Nome:
* Seu Email:
* Nome do Amigo:
* Email do Amigo:
* Imagem de Segurança:
Security Image Gerar novo código
Copie abaixo os números e letras da imagem de segurança
* Mensagem: